Maratona de Porto Alegre 2019: bora?

Publicado por | maio 23, 2019 | Maratonices | 2 Comentários

Há menos de 10 dias para a 36ª Maratona Internacional de Porto Alegre – que ocorre no dia 2 de junho -, a expectativa, para muitos, é grande. Vou para a minha 11ª participação seguida na prova de 42,1 km, o que me deixa bastante tranquila a respeito do que encontrarei pela frente – o que não acontece com boa parte dos estreantes ou que irão para bater seu melhor tempo (o que também, definitivamente, não é o meu caso…).

Não vou me fazer de gostosa e afirmar que é barbadinha enfrentar tal distância. Porque nunca é. Mesmo após mais de sei lá quantas (e não sei mesmo, nem interessa pra não apavorar, kkkk) maratonas no currículo de pangaré-master, jamais me posiciono para a linha de largada sem aquele friozinho na barriga. E é justamente por causa desse arrepio na espinha que sigo pagando a taxa de inscrição e treinando o que posso, no tempo que não tenho, para prestigiar a clássica corrida na minha cidade do coração.

Passagem pela Usina do Gasômetro na edição 2018. Foto: Foco Radical

Em 2019, assim como em 2018, vou de sangue doce. Às vésperas de completar 43 anos, e feliz de ter mais de 20 anos de estrada sem lesões, seguirei trilhando o caminho de envelhecer correndo – e, para isso, sei que a velocidade no asfalto, que machuca tanto, fica para as mais novas ou que se dedicam integralmente ao treinamento. Completar bem é o objetivo – e chegar sorrindo, como sempre! ( :

Mudança no percurso desagrada

A mudança do percurso, anunciada pelo Corpa há pouco tempo, deixou alguns corredores aborrecidos. Por questões de logística, o trajeto será ainda mais plano porém menos extenso, o que pode beneficiar os sedentos pelo recorde pessoal.

Dá uma conferida no passeio que faremos no domingo, dia 2 de junho

Saudades daquele tempo no qual passávamos em meio ao Centrão…era divertido pra caramba descer a lenha nas ruelas vazias cedinho da manhã.

Loba solitária no amanhecer da Capital na maratona de 2016. Foto: Carlos Roberto Oliveira

Apesar das controvérsias, polêmicas e adversidades, costumo focar no que há de bom nisso tudo…e não faltam motivos para esperar o dia “D” com um sorrisão no rosto e a certeza de que será a oportunidade de fazer uma baita prova, com toda energia e gana de cruzar a Finish Line pulando!

O doce sabor da vitória: inesquecível!

Desejo a todos os estreantes nos 42km (de quem morro de inveja, pois a sensação da primeira é única e épica) uma prova emocionante. Saiba que terá muitos momentos difíceis – e saber negociar com a mente nesse momento é a chave. Tenha segurança que uma hora o sofrimento irá acabar, e que no final a alegria e sensação de felicidade valem cada gota de suor derramado. Não tenha pressa de resolver a prova. Tente curtir os momentos, lembre do quanto você treinou e a quantidade de coisas que teve que abdicar para estar ali, entre os privilegiados do Planeta Terra – sim, somos presenteados por ter a saúde, disposição e cabeça dura pra kct de correr 42 mil, cento e noventa e cinco metros sem parar!

Aos que irão nas distâncias menores, parabéns! Alguém tem que ter juízo nessa naba (kkkk, brincando….)! Agora sério: uma prova incrível. A Maratona de Porto Alegre é essa festa por causa de todos que participam – inclusive dos que aplaudem, mesmo que em pouco número.

Quem sabe um dia não levamos mais gente pra rua? É participando e batendo “lata” que o evento crescerá em sua importância e magnitude. ( ;

Mulherada pronta pro estrago na edição de 2012

Agora é só esperar o dia 2 com todo o gás.

Nos vemos lá, Nação Corredora!

<3

2 Comentários

  • Conceição disse:

    Que show Dani. Lindo texto e a melhor discrição sobre a maratona de Porto Alegre….
    Sensacional!!! Nos encontraremos lá pra fazer a festa juntamente com todos. Bjo

  • Mariza Nonohay disse:

    Parabéns, Daniela! És uma profissional focada e vencedora, e um orgulho para pais, filho e amigos. Estamos contigo em nais uma maratona. SUCESSO!

Deixe seu Comentário

Seu e-mail não será publicado.